quarta-feira, 21 de maio de 2008

A Ceifadora Em Eterna Dor


Ceifar A Terra Podre,

Ceifar A Terra Virgem,

Ceifar A Terra Germinada,

Ceifar A Terra Triste,

Ceifar A Terra Embriagada,

Minha Foice É Essa Coisa

Qual Ceifadora Eterna

De Todas As Últimas

E Primeiras Coisas.


Sou Ceifadora,

Senhora Da Foice,

Tanatos,

Deusa Morte,

Cadavérica,

Qualquer Nome Que

Todos Vós

Podeis Me Dar,

Estou Bem Próximo Daí

Onde Cada Um Podeis

Estar.


Muitos Gritam Por Mim,

Muitos Choram Em Mim,

Muitos Me Amam,

Muitos Como Os Filhos

De Minha Irmã

Deusa Poesia,

Poesia E Morte

É A Escala De Todos Os Pesos

Da Grande Balança Equilibrante

Da Criação,

Nascimentos E Renascimentos

São Poemas E Mortes,

Inícios E Fins

São Mortes E Poemas.


Na Grande Estrada Infinita

Do Grande Mar Da Criação

Sigo Ouvindo As Dores

Das Humanidades

E Das Não-Humanidades,

Sigo Ouvindo Minha Irmã

Deusa Dor

Cantarolando A Canção

Dos Dolorosos Seres Da Criação,

Canção Dolorosa,

Dolorosa Canção,

Que Canta Até As Dores

Da Ceifadora Que Eu Sou.


Dores Ceifando,

Ceifando No Ônix,

Ceifando No Âmbar,

Ceifando No Âmago,

Ceifando No Âmbito,

Dores De Uma Deusa Odiada,

Sou Uma Deusa Odiada,

Uma Lady Que Nenhum Sir

Deseja Beijar

E Nem Amar

Por Infinitas Noites

Longe Dos Acordes

Da Existência Material,

Todos Querem Novamente

A Carne,

A Deusa Carne Minha Irmã

Que A Todos Aprisiona,

Qua A Todos Cega,

Que A Todos Emudece,

Que A Todos Ensurdece.


Dolorosa Ceifadora,

Agente De Dor,

Receptora De Dores,

Amontoado De Dor,

Montanha De Dores,

Inspiradora De Cânticos

Poéticos

E Cânticos

Fúnebres,

Carregadora De Uma Foice

Que Bem-Vinda Nunca É

Nas Moradias Humanas

E Nas Moradias

Não-Humanas...


Ceifando,

Ceifando,

Ceifando Tudo,

Ceifando Todos,

E Dolorosamente

Odiada Por Tudo,

Odiada Por Todos...


Irmã Deusa Dor,

Deuses Também Podem,

Como Nós Sabemos,

Ser Vítimas Da Potência

Da Grande Eterna Dor

Que Tu És

Desde O Primeiro Moldar

Da Primeira Criação

Até Este Último Molde

Da Forma Manifestada

Do Um Que É

A Nossa Mãe

E O Nosso Pai,

Originador Das Dores,

Originador Da Dor,

Teu Originador,

Meu Originador....


Inominável Ser

SENTINDO A ETERNA DOR

DA DEUSA MORTE

E

DA DEUSA DOR




Reações:

0 Lamentos Finais De Cadáveres: