sábado, 28 de fevereiro de 2009

As Visões De Dagon No Abismo Das Peles - Canto XIII


Carnais Fúrias... Carnais Ensansdecidas Fúrias... Irrisórias Fúrias... Tremulantes Fúrias... Gozantes Fúrias... Ternas Fúrias... Carnais Fúrias Abismais... Carnais Fúrias Abismais... Carnais Fúrias Abismais.. Descendo Mais Fundo... Descendo Mais No Fundo... Descendo Mais Na Furiosa Forma Da Serpente-Dragão... Descendo Nas Escamas Da Serpente-Dragão... Descendo Nas Ruidosas Escamas Da Serpente-Dragão... Descendo Nas Formosas Escamas Da Serpente-Dragão... Descendo Nas Maravilhosas Assinaturas Dsas Escamas Da Serpente-Dragão.... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta... Dagon Canta Totalmente Dentro Da Serpente-Dragão... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta... A Serpente-Dragão Canta Totalmente Dentro De Dagon ... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Lacunas... Brechas... Fissuras... Blarphuxar Banha Ilana Totalmente Com O Seu Esperma... Dagon Banha Todo O Abismo Com O Seu Esperma Banhando A Serpente-Dragão...



Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Abismo No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Abismal Ser No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Abismal Ver No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Saciar No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Desabrochar No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Alvorecer No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Lado No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Alto No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Ato No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Raio No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Trovão No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Valor No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Vazio No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo O Todo No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo O Nada No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo O Tocar No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo Vazio No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo O Nadar No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo O Velar No Esperma...


Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Todo O Voltar No Esperma...


Um

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Dagon...


Um

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Saciado Dagon...


Um

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Eterno A Gozar Dagon...


Um

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Esperma,

Terno A Gozar Dagon...


Gozo

E Abismo,

Dagon,

Gozo

E Abismo...


Gozo

Em Abismos No Abismo,

Dagon,

Gozo

Em Abismos No Abismo...


Gozo

Em Todo O Abismo,

Dagon,

Gozo

Em Todo O Abismo...


Gozo

Extremo No Abismo,

Dagon,

Gozo

Extremo No Abismo...


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Filhos

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Frutos

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Fatais

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Falos

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Forças

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Formas

Do Abismo!


Gozo

Em Nós,

Dagon,

Nós Futuros

Do Abismo!


Gozo

Em Todos,

Dagon,

Todos Que Ainda

Serão Do Abismo!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!


Dagon Toum Zous!



Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Esperma Banhando Todos Vós! Dagon Vendo A Todos Vós! Sim, Dagon Está A Ver Todos Vós! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Dagon Vendo! Bebam Do Esperma Dele, Como Eu Bebo! Bebam Do Esperma Dele, Como Ilana Bebe! Bebam Do Esperma Dele, Como Blarphuxar Bebe! Bebam Do Esperma Dele, Como Todos Os Seres Abismais Bebem! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! BEBAM!!! E Sorriam Para Dagon Como Ele Sorri Para Todos Vós!









quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

As Visões De Dagon No Abismo Das Peles - Canto XII


Continua A Rota... Continua A Ronda... Rota Abismal De Abismais Sensações... Ronda Abismal De Abismais Emoções... Emoções De Abismais Rotas... Sensações De Abismais Rondas... A Serpente-Dragão Dançando Enroscada Nas Abismais Rondas... A Serpente-Dragão Dançando Enroscada Nas Abismais Rotas... Tudo Fllui No Enroscar Da Serpente-Dragão Nas Abismais Almas... Tudo Fala No Enroscar Da Serpente-Dragãos Nas Abismais Fodas... Toda Alvorada No Abismo Exprime A Centelha Da Foda Abismal... Foda Abismal... Abismal Foda... Rituais Altos... Altos Abismais Rituais... Rituais Que Velam Pelos Mais Naturais Abismais Poderes Naturais... Rituais Que Versam Sobre As Mais Naturais Abismais Leituras Naturais... Poderes Que Fora Dos Círculos Abismais Já Estiveram... Poderes Que Retornarão Ao Que Está Fora Dos Círculos Abismais... São Os Abismais Poderes Dos Quadris De Ilana... São Os Abismais Poderes Do Pau De Blarphuxar... São Os Abismais Poderes De Dagon Nos Quadris E Nos Paus De Todos Os Seres Abismais... A Buceta De Ilana Ferve De Tanto Emitir Poderes Que Se Igualam Aos Vapores Internos Da Criação... O Cu De Ilana, Roçando No Chifre Da Estátua De Seu Pai Dagon, Ferve Igualmente Emitindo Poderes Que Se Igualam Aos Mantos De Internas Ascensões Dos Ares Desconhecidos Da Criação... Vapores... Ares... Vapores... Ares... Vapores... Ares... Vapores... Ares... Vapores...



Vapores...

Ares...

Trêmulos...

Próximos...

Distantes...


Vapores...

Ares...

Assemelhando-Se...

Assimilando-Se...

Equilibrando-Se...


Vapores...

Ares...

Errantes...

Errados...

Corretos...


Vapores...

Ares...

Sedutores...

Serenos...

Selvagens...


Luares De Vapores...

Negros Abismais Luares...

Ares De Vapores...

Negros Abismais Ares...

Amores...


Amores...

Carnais Amores...

Amores...

Carnais Abismais Amores...

Amores...


O Transe Expande-Se,

O Transe Gerado

Pela Foda De Tudo

Com Todos

No Abismo.


Antes De Tudo,

Eu Sou Um Deles

Como Sempre Fui,

Meu Transe Me Guia

Até Ilana E Blarphuxar.


Eu Sou

Ilana,

Eu Sou

Blarphuxar,

E Sou...


Oh,

Eu Sou,

Eu Sou,

Eu Sou,

Eu Sou!


Eu Sou

Dagon,

Sim,

Eu Sou Dagon

Fodendo Com

A Serpente-Dragão!


Dagon,

Dagon,

Dagon,

Nadando Em Minhas

Abismais Poéticas Mãos!


Dagon,

Dagon,

Dagon,

Enroscando-Se Nas Veias

Do Meu Abismal Coração!


Dagon,

Dagon,

Dagon,

Pairando Nas Negras Asas

De Minha Abismal Alma!


E Eu Sou,

E Eu Sou,

E Eu Sou,

Todos,

Todos!


Eu Sou Todos

Os Abismais,

Eu Sou Todos

Os Abismais,

Eu Sou Sou Sou!


Sim,

Sou Todos,

Mais Uma Vez,

Eu Sou

Todos!


Sim,

Sou Todos,

Mais Uma Vez

Na Criação,

Eu Sou!


Sim,

Sou Todos,

Mais Uma Vez

Na Abismal História

Eu Sou!


E A

Serpente-Dragão...

A Serpente-Dragão...

Ela Vem

Dançando Até Mim...


E A

Serpente-Dragão...

Misto De Deserto...

Misto De Respiração...

Dançando Até Mim...


E A

Serpente-Dragão...

Fodendo Com Dagon...

Fodendo Com Todos...

Fode Comigo Agora...


Eu

E A Serpente-Dragão

Fodemos

Na Abismal

Madrugada!


Eu

E A Serpente-Dragão

Fodemos

Na Abismal

Estrela!


Eu

E A Serpente-Dragão

Fodemos

No Abismal

Planeta!


Eu

E A Serpente-Dragão

Fodemos

No Abismal

Universo!


Eu

E A Serpente-Dragão

Fodemos

Na Abismal

Criação!


Eu

E A Serpente-Dragão

E Dagon

E Ilana

E Blarphuxar!


Eu

E A Serpente-Dragão

E Os Meus Irmãos Todos

Do Abismo

E Os Abismais Altares!


Eu

E A Carne Abismal,

A Nossa Carne,

Nós Que Somos

Da Carne Abismal!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Nossa Pele,

Nossa Pele!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Meu Odor,

Nosso Odor!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Meu Paladar,

Nosso Paladar!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Meu Olfato,

Nosso Olfato!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Minha Visão,

Nossa Visão!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Meu Tato,

Nosso Tato!


Eu

E O Abismo

Das Peles,

Minha Intuição,

Nossa Intuição!


Eu...

O Abismo Das Peles...

Nós...

Abismais...

Abismais...


Eu...

O Abismo Das Peles...

Dagon...

A Serpente-Dragão...

Ilana...


Eu...

O Abismo Das Peles...

Blarphuxar...

Todos Os Abismais...

O Ritual...


Eu...

O Abismo Das Peles...

Os Rituais...

Nós...

Vós...


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!


Dagon Hur Thae!



Vós... Vós... Vós... Vós.. Vós... Vós... Vós... Vós... Vós... Vós, Passantes Pelo Abismo Com Olhos E Bocas E Rostos E Cus E Paus E Bucetas Devidamente Centrados Nos Erros Do Falso Foder... Vós Todos Não Sabeis Foder... Vós Todos Sois Seres Infelizes E Sem O Néctar Do Verdadeiro Prazer... Vós Todos Sois Apenas Ratos E Porcos E Baratas Que Apenas Sabem Procriar E Não Criar A Senda Que Ergue Forças Maiores Do Que Todas As Forças Ditas Como Maiores Da Criação... Vós Sois Ratos, Humanos... Vós Sois Porcos, Humanos... Vós Sois Baratas, Humanos... Aprendam Com O Abismo! Apreendam O Abismo! Aceitem O Abismo! Mais Uma Vez, Aceitem O Abismo, Aceitem O Abismo Dentro De Vós, Acima De Vós E Nas Regiões Que Agora Tecem Aqui Neste Portal Para A Manifestação Das Forças Internas Abismais Um Chamado E Um Manifesto Que É O Primeiro Capítulo Do Livro Inominável Do Abismo! Suguem O Suor De Ilana! Suguem O Esperma De Blarphuxar! Suguem O Sangue Do Cu De Ilana Rasgado Pelo Chifre Da Estátua De Dagon! Suguem O Sangue Da Buceta De Ilana Rasgada Pelo Pau Colossal De Blarphuxar! Suguem O Suor E O Esperma Da Serpente-Dragão! Suguem O Suor E O Esperma De Dagon! Suguem O Sangue Da Buceta E Do Cu Da Serpente-Dragão! Suguem O Sangue Saído Da Pele De Dagon Mordido Pela Serpente-Dragão! Suguem Os Suores E Os Espermas De Todos Os Seres Abismais! Suguem O Sangue Nascido Das Fodas De Todos Os Seres Abismais! Suguem O Suor Do Abismo! Suguem O Esperma Do Abismo! Suguem O Sangue Do Abismo! Suguem, Guiados Pelo Chifre De Dagon Agora A Tocá-Los No Ser! Dagon Sorrirá Ainda Mais Quando Vós Deixardes De Ratos Serdes! Dagon Sorrirá Ainda Mais Quando Vós Deixardes De Porcos Serdes! Dagon Sorrirá Mais Quando Vós Deixardes De Baratas Serdes!