segunda-feira, 11 de maio de 2009

A Miséria Que Devora-Me A Porra Fodida Do Caralho Da Carne


Destruo-me miserável,

minha fodida carne,

a porra fodida da

minha carne,

a porra fodida do caralho

da minha carne,

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me

devora-me...


CARALHO

CARALHO

CARALHO!!!


GRANDE

CARALHO

GRANDE

CARALHO

GRANDE

CARALHO!!!


MAIOR

CARALHO

MAIOR

CARALHO

MAIOR

CARALHO!!!


Carne,

caralho,

o que Tu

quer?


Carne,

caralho,

por que agir

miseravelmente?


Carne,

caralho,

por que manifestar

a Deusa Misértia?


Carne,

não adianta,

eu não vou ceder,

não quero a uma

fodida porra do caralho

de uma fodida família

de porra do caralho

construir,

eu quero destruir,

destruir alguém,

destruir todo mundo,

destruir as estruturas

do mundo,

destruir as fundações

do mundo,

destruir as instituições

do mundo,

destruir a Humanidade

deste mundo,

sim,

isso mesmo o que eu

quero!


Carne,

me obedeça,

me faça ódio

contra a perpetuidade,

que as crianças

se afoguem

e sejam estranguladas

antes de nascer

a partir do meu esperma,

que as mulheres

se mantenham distantes

estupradas e enforcadas

da minha miserável

caminhada,

crianças são caralhos de

porras fodidas,

mulheres são caralhos de

porras fodidas,

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

bem longe quero-as

BEM LONGE QUERO-AS!!!


Contudo,

a porra fosdida do caralho

da minha pica

estremee diante da porra

de uma buceta fodida do caralho,

da porra de um cu fodido

do caralho,

da porra de tetas fodidas

do caralho,

que miséria Tu és,

Carne,

que miséria

que miséria

que miséria

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA

MISÉRIA


Inominável Ser

SUPORTANDO

A PORRA FODIDA

DO CARALHO

DA SUA CARNE







Reações:

0 Lamentos Finais De Cadáveres: