terça-feira, 7 de julho de 2009

.........


Mendigos comem todo lixo,
Todo detrito lançado
Nas calçadas rasgadas
Das ruas ingratas.
Comendo pratos em minha
Mesa de almoço,
Mesa de jantar,
Vi que O Alimento Verdadeiro
Nenhum frágil alimento material
Poderá proporcionar.
Lixo todo é
A Deusa Matéria,
Uma Rainha de mendigos,
Os mendigos com casa dinheiro
Terno blazer saia gravata escola
Faculdade almoço jantar,
Todos mendigos saboreando
O lixo saboroso
De suas mediocridades altas
Por não saberem o que é
O Alimento Verdadeiro.
Alimento Verdadeiro,
Alimento Dos Deuses Ocultos
Nas Encruzilhadas Inderrubáveis
Da Mística Cruz Do Mundo,
Como encontrar a Vossa Mesa,
Como encontrar o Vosso Alimento,
Como como como como como
Saciar-me fatigar-me preencher-me
Com Vosso Néctar
De Todo Ar A Todo Momento?
Como todos encontrarão Vossa Mesa,
Como todos esncontrarão Vosso Alimento,
Para saciarem-se fatigarem-se preencherem-se
Com Vosso Néctar,
Deuses Ocultos?
Vivo o veneno dos alimentos falsos...
Vivemos o veneno dos alimentos falsos...
Saboreio pouco O Alimento Verdadeiro...
Poucos saboreiam O Alimento Verdadeiro...
Quero saboreá-Lo todo nos Sendeiros!
Queremos saboreá-Lo todo nos Sendeiros!

Inominável Ser
DESEJANDO SABOREAR
O ALIMENTO VERDADEIRO







Reações:

0 Lamentos Finais De Cadáveres: