terça-feira, 16 de março de 2010

O Livro De Satan - I - Anton Szandor LaVey


Bíblia Satânica

  1. Na árida região de aço e pedra eu ergui a minha voz para que você possa escutar. Eu chamo o Este e o Oeste. Eu mostro um sinal proclamando o Norte e o Sul. Morte ao fraco, saúde ao forte!

  2. Abra os olhos para que possa ver, homem de mente doentia, e escute-me, que confundirei multidões extasiadas!

  3. Pois eu enfrentarei o desafio da sabedoria do mundo, para questionar as leis do homem e de Deus!

  4. Eu exigirei as razões da sua regra de ouro e perguntarei a origem e a finalidade dos seus dez mandamentos.

  5. Eu não me curvo perante nenhum dos seus ídolos em obediência e, aquele que disser que você precisa se curvar a mim, é o meu inimigo mortal!

  6. Eu mergulhei o meu dedo indicador no sangue úmido do seu impotente e louco redentor e escrevi na borda da sua coroa de espinhos: O verdadeiro príncipe do mal - o rei dos escravos!

  7. Nenhuma antiga falsidade se tornará verdade para mim; nenhum dogma sufocante emperrará minha pena!

  8. Eu me livrei de todas as convenções que bloqueavam o meu sucesso e felicidade na Terra.

  9. Eu me ressuscitei em rigorosa invasão no padrão do poderoso!

  10. Eu olhei abismado o olho vítreo do seu apavorante Jeová e arranquei-o pela barba; eu elevei o machado das cinzas e abri um caminho na sua caveira comida de vermes!

  11. Eu destrui os horríveis tópicos da filosofia dos brancos sepulcros e ri com raiva desdenhosa!








Reações:

0 Lamentos Finais De Cadáveres: