sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Observai O Obscuro Horizonte



Observai,
Satan dança sobre nós,
Kali dança sobre nossos ossos,
Lilith nos envenena,
Babalon nos faz sangrar,
Os Magos Negros sorriem,
Nosso mundo está como
Uma colcha de merdas
Amontoadas aos nossos
Sujos pés.

Observai,
A mancha de podridão
Se alastra cada vez mais,
Os ventos levam
De norte a sul
O doce cheiro
Da morte,
Os ventos trazem
De leste a oeste
O ácido sabor
Da dor.

Observai,
O manto de loucura,
O Manto De Dejanira,
Se expande sobre
Toda a esfera,
A decadente marcha
Dos loucos humanos
Louvam a mentira
Que todo dia
Assume soberania
Nas mesas do
Café da manhã
Cagado,
Do almoço
Vomitado,
Do jantar
Arrotado.

Observai,
A Divina Dança
Acabou,
A Abismal Dança
É Eterna,
O Grande Cadáver
Crucificado
Que a nada salvou
Agora chora,
A festa é da
Obscuridade,
A festa é dos
Obscuros
Dentro da
Humana realidade.

Observai comigo
O Obscuro Horizonte,
Somente vamos ver
Névoas terríveis
Sobre as cidades,
Tempestades danosas
Sobre os campos,
Raios mortais
Sobre as montanhas,
A Espada Caótica
Descendo sobre todas
As cabeças humanas.

Observai
O Obscuro Horizonte,
O nosso Presente
Está Nele.

Observai
O Obscuro Horizonte,
O nosso Passado
Fala Nele.

Observai
O Obscuro Horizonte,
O nosso Futuro
Agita-se Nele.

Observai,
O Supremo Imperador
Do Eterno Terror
Já está sobre
Nossos cadáveres
A dançar.

Observai,
Aquele Que Traz
O Verdadeiro Terror
Já mira para
As estacas onde
Seremos empalados.

Observai,
Aquele Seis Vezes
Seis Vezes
Seis
Já amamenta
Com nosso sangue
Os Bestiais.

Observai,
A Obscura Verdade
Nunca Trai.

Observai,
A Obscura Verdade
Nunca Cai.

Observai,
A Obscura Verdade
Nunca Será Sacrificada.

Observai,
O Anti-Cósmico
Prometido
E Aguardado
Pela Obscuridade
Há de nos
Esmagar.

Observai,
Mortal…

Observai,
Humano…

Observai,
Esmagado…

Inominável Ser
ESMAGADO
SER




Reações:

0 Lamentos Finais De Cadáveres: