terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Luna Beltane - A Deusa De Fogo & Inominável Ser


Art by Luis Royo


Te toco em mil vezes múltiplas
Dentro desta sombra
Que nos faz deitar
Em cima de flores brancas
Ao luar de noites ardorosas

E enquanto me tocas assim tão urgente meu corpo vai orvalhar-se de prazer intenso entre minhas pernas vai pulsando a doce sensação trêmula desse tesão molhado.

Bebo entre suas pernas 
De todo esse prazer
Alcançando um caminho
Que me levará além
Das montanhas de êxtases
De cada parte de tua pele
Onde brancas pétalas
Junto com meus beijos
Irei deixar

E assim faz meu corpo serpentear sobre a relva e as flores já tingidas de vermelho fogo, o fogo que incendeia o meu e o teu corpo, e vou unindo-me a você, através do meu orifício molhado
entre as minhas pernas.

E hei de tecer com minha boca
Uma ode ao teu orifício molhado
Esta preciosidade que guarda
Prazeres a serem sentidos
E a serem dados
Dentro das deliciosas horas
Onde nem mesmo existem
As horas
Dentro de nosso rubro leito
De flores molhadas
Com nosso suor
Com nosso gozo
Com nosso prazer eterno
De poéticos amantes ao luar
Nus diante da Grande Noite
A nos cercar

E neste puro gozo de prazer que me alucina vai levando-me a loucuras as tuas libidinosas carícias e bem fundo me penetras entre gemidos ardentes, e mordes meus lábios vermelhos e quentes, e juntos nos entregamos ao gozo desse ato eloquente.

E vamos poetizando nesse frenesi
Todo de puríssimo prazer
A cada movimento
De nossas mãos
De nossas pernas
De nossos quadris
De nossas bocas
De nossos membros unidos
Em fogo na fogueira do luar
Desta noite infinitamente intensa

Ahhhhh o teu membro forte e viril na minha boca, fazendo-me assim sugar-te louca...

Ahhhhh o teu orifício molhado
Tão profundamente delicado
Todo na minha boca onde sugo
Muito mais do que teu gozo!

A Deusa
De Fogo
& Inominável 
Ser
SOBRE RUBRAS
FLORES
EM CHAMAS




Reações:

0 Lamentos Finais De Cadáveres: