Cúmplices Em Facas Contra As Paredes


Each Individual’s Emotions - Nan Fe


O lamento não nos causa medo,
medo não tem conosco,
minha cúmplice sem resgates
ou face de anjo,
um milímetro sequer de
alguma insistência.
Nada lamentamos neste jogo
que se joga como guerra
e esporte sanguinário,
onde cuspimos nosso sangue
nas paredes dos quartos
onde nos queixamos.
Queixas para nós,
que não resmungamos,
querida cúmplice do crime
de não saber quando parar,
reagindo contra toda fagulha
de tédio que tenta
nos contaminar.
Nada de entediante nos assolará
enquanto estivermos no meio-fio,
nos apoiando um no outro
para não cairmos no meio
de qualquer estrada
e termos nossas cabeças
por pneus de caminhão
trituradas selvagemente.
Nada disputamos com outros
caminhando também no meio-fio,
vamos andando,
minha estelar garota nascida
sob as estrelas de Escorpião
em um dia de tempestade,
vamos andando assistindo
bestas caindo dos céus,
selvas subindo até o espaço,
alguns brincando com a Vida,
outros brincando com a Morte,
poucos brincando com os Demônios
que em nossos corações cultivamos…
Vamos transar sob a chuva
de todo Verão!
Vamos fumar perto de barris
de combustíveis abertos!
Vamos pular de rochedos
em praias desertas!
Vamos correr nus
nas florestas desencantadas!
Vamos cortar os pulsos
e unirmos nosso sangue
em uma eterna aliança!
As facas estão afiadas,
musa de altos sonhos
de precipícios!
As facas estão brandidas,
musa de todo sonho
em calamidades!
As facas estão brandidas,
muda de árvore
ainda não frutificante!
As facas estão brandidas,
múltipla senhora
de mutantes posses!
E cravemos na parede mais
próxima de inúmeras ruínas
as facas que carregamos!
Umaduastrêsquatrocincoseissete
facadas na parede!
Facadas!
Facadas!
Facadas!
Facadas…
Sem medíocre remorso depois…
Facadas…
sem insossa covardia depois…
Facadas…
sem imbecis desculpas depois…
Pois...
Assassinar paredes ainda não é
um grande crime de natureza
inafiançável,
portando,
garota de toda minha sepultada
vida eterna entre covas
extremamente abertas…
Acabemos com as paredes…
Acabemos com cada parede…
Acabemos um com o outro
em todas as paredes…
Perfeita cumplicidade de assassinos
das malditas paredes…
Perfeita cumplicidade de assassinos
de miseráveis paredes…
Perfeita cumplicidade que não
vem a questionar a loucura que é
esfaquear paredes…
Ato muito melhor do que esfaquear
você mil vezes na cara,
não acha?

Inominável Ser
NESTE ROMANCE
DE FACADAS
CONTRA AS PAREDES




0 Comentários: